search 2013 adfgs
25/04/2010

Boca torta

Do site do joranlista Claudio Humberto:

Corruptos beijam cobra na boca: apesar do estado de alerta provocado pelos escândalo recentes, políticos de Brasília tentam intermediar a liberação de “restos a pagar” de 2009, no valor de R$ 33 milhões, em contratos do governo do DF para direcionar pacientes da rede pública às UTIs de hospitais particulares. A movimentação, detectada pela área de Inteligência, já foi comunicada ao novo governador Rogério Rosso.

A liberação de “restos a pagar” na área de saúde havia sido combinada em gestão anterior, mas um novo governo do DF zerou as negociatas.

Informe da área de Inteligência, a que esta coluna teve acesso, diz – sem citar nomes – que há deputado exigindo comissões de R$ 700 mil.

Donos de hospitais não comentam o assédio e juram que não darão trela a deputados pilantras. A não ser com a câmera de video à mão.

Comentários

Comente