search 2013 adfgs
08/10/2010

GDF usa o BRB para financiar o caos no trânsito

De acordo com dados do Departamento de Trânsito (Detran), em 2009 foram emplacados no DF 131 mil novos veículos, ou 11,61% a mais que em 2008, quando o número ficou em 117.367. A frota registrada no DF no ano passado atingiu a marca de 1.138.127 carros, 8,9% a mais do que em dezembro de 2008.

O resultado desse crescimento exagerado da frota é visível principalmente no trânsito caótico, com congestionamentos a qualquer hora do dia, e na falta de vagas para estacionar.

Diante de um quadro como esse, o que fariam os governantes responsáveis? Investiriam pesadamente no aperfeiçoamento do transporte público e adotariam medidas para desestimular o uso de automóveis particulares.

Mas não é esse o caso do DF. Não satisfeito em desperdiçar milhões de reais com a ampliação de pistas e a construção de viadutos que nada resolverão, o GDF deu esta semana mais uma demonstração de atraso e de desapreço pelo tema da mobilidade sustentável: lançou, através do BRB, uma linha de crédito especial para quem desejar comprar veículos novos ou usados. O chamado Credveículo BRB oferece financiamento em até 60 meses e taxas a partir de 1,15%.

Até daria para entender, se a iniciativa tivesse partido de uma instituição financeira privada.

Mas é o cúmulo da miopia um governo usar seu próprio banco para financiar o caos no trânsito.

Comentários

Comente