search 2013 adfgs
15/08/2011

GDF Negócios Imobiliários S/A

Por um lado, já vieram à luz os milionários negócios imobiliários que rondam a organização da Copa do Mundo, desvelados a partir da divulgação do projeto de expansão do Setor Hoteleiro Norte de Brasília.

E, por outro, começa a vir à tona o que existe por trás dos esforços do  governador Agnelo Queiroz em trazer para o DF mais uma competição esportiva, a Universíade 2017.

Reportagem da edição de hoje do Correio Braziliense confirma que tanta dedicação à promoção do esporte vincula-se, na verdade, à intenção de se criar mais setores habitacionais no DF.

A bola da vez é justamente a já densamente povoada (porém ainda valorizada) área do Jóquei Clube, entre o Guará e Vicente Pires.

Ali o GDF ergueria 25 prédios com capacidade para 2,5 mil apartamentos que serviriam para alojar os atletas durante a Universíade.

Findos os jogos, os imóveis seriam incorporados ao programa Morar Bem, que facilita a compra da casa própria por pessoas de baixa renda.

Seriam. Como se trata de área valorizada, em pouco tempo os imóveis seguirão o caminho de sempre e irão parar na mão dos especuladores imobiliários, que ganharão com eles rios de dinheiro.

Quantas vezes já assistimos a esse filme?

Comentários

Comente