search 2013 adfgs
25/01/2012

Será que os acreanos aceitam fazer uma troca?

O Acre é aquele Estado brasileiro tão longe de tudo que muita gente pensa que nem existe.

Mas ele existe, sim. E, por incrível que pareça, tanto o Estado quanto sua capital, Rio Branco, vêm sendo governados pelo PT há muitos anos.

Digo por incrível que pareça porque, enquanto governos petistas de outras partes do Brasil pouco ou nada têm a apresentar de novo (como bem sabem os brasilienses), no Acre a situação é muito diferente.

A pequena Rio Branco, mesmo perdida nos confins da Amazônia, vem passando por transformações urbanísticas que a levarão, em pouco tempo, a se tornar uma espécie de Curitiba da Região Norte.

A cada dia a cidade ganha novas calçadas, calçadões, ciclovias, praças e jardins, construídos com uma qualidade e com um apuro estético que, embora sejam algo corriqueiro nas melhores cidades do mundo, no Brasil a gente só encontra em algumas poucas áreas urbanas, a maioria no Sul e no Sudeste.

Sei que a experiência é torturante, mas vamos lá assim mesmo: feche os olhos e tente lembrar por alguns instantes do que você vê quando anda pelo centro de Brasília ou pela Avenida W3 Sul.

Quando dá uma volta pela Avenida Comercial ou pelo centro de Taguatinga, com sua feiúra ostensiva, sua ausência de verde, suas calçadas desniveladas e esburacadas, suas ruas encardidas e sua iluminação de quarenta anos atrás.

Para finalizar, traga à memória também as “cicrovias” para ciclistas com labirintite e as calçadas de areia que andam construindo em Ceilândia ultimamente e exibindo com indisfarçável orgulho.

Agora, para desestressar (ou ficar ainda mais estressado), dê uma olhada nas fotos da galeria no final deste post.

Veja nelas o que os petistas do Acre andam fazendo por lá… e torça para que os petistas do DF aprendam com eles que lojista que não cuida bem da vitrine perde a clientela e vai à falência.

Se o aprendizado não acontecer, torça para que ao menos os acreanos aceitem fazer uma troca: eles mandam para cá petistas que sabem das coisas e os brasilienses mandam para lá esses que estão por aqui sem saber direito o que fazem.

Duvido que eles topem. Mas… não custa tentar.

Fotos: Skyscrapercity.com

Comentários

Comente